Notícia

04 de Agosto de 2020

ďVamos mostrar a que viemosĒ, diz Tereza Cristina

Quais as li√ß√Ķes para o futuro do agroneg√≥cio? Este √© o tema central do Congresso Brasileiro do Agroneg√≥cio, um dos eventos mais importantes do setor, que neste ano acontece de forma digital. A abertura ocorreu na manh√£ desta segunda-feira (03), com a participa√ß√£o de lideran√ßas do setor. Nesta edi√ß√£o foram mais de 8 mil inscritos.

No ano em que o Brasil alcan√ßa sua maior safra de gr√£os, com mais de 250 milh√Ķes de toneladas, com abertura de 70 novos mercados para exporta√ß√£o, com recordes em exporta√ß√£o que devem bater os US$ 106 bilh√Ķes no ano, abastecendo 200 pa√≠ses, os desafios, como a pandemia do novo coronav√≠rus, mostraram a resili√™ncia do setor, que n√£o parou. Paralelo a isso as discuss√Ķes de preserva√ß√£o ambiental e acesso a mais recursos financeiros e de infraestrutura permeiam o debate.

Na abertura o presidente do Conselho Diretor da Associa√ß√£o Brasileira do Agroneg√≥cio (Abag), Marcello Brito, destacou a import√Ęncia do setor privado assumir o papel em quest√Ķes como a√ß√Ķes concretas contra desmatamento e ilegalidade, dando suporte ao governo e cobrando a aplica√ß√£o das leis. ¬ďTemos um √≥timo C√≥digo Florestal mas precisamos aplicar, fizemos o CAR mas apenas 5% foram validados. Temos que fazer um pacto para unir o setor que por anos viveu de cacos, implementar leis e n√£o implementar plantas daninhas que mancham nosso destino. A grande maioria dos agricultores e pecuaristas √© honesta. Vamos abra√ßar a causa do nosso pa√≠s e assim faremos mais dif√≠cil a vida dos nossos concorrentes¬Ē, defendeu.

O ano positivo do setor e o bom momento do mercado de capitais s√£o os motivos citados pelo CEO da Bolsa Brasil - B3, Gilson Finkelsztain, para alavancar o setor financeiro no campo, suprindo outro desafio: a oferta de cr√©dito e recursos para a gest√£o de riscos. ¬ďAumentar concess√£o de cr√©dito e o acesso para o produtor. Temos um ano desafiador e com potencial para investir no setor, com obras, agenda forte de sustentabilidade, acesso a recursos e gest√£o de riscos para crescer e ser mais competitivo ainda¬Ē, aposta.

O protagonismo sustent√°vel

Brito anunciou que a Abag √© a primeira entidade global do agroneg√≥cio a neutralizar as emiss√Ķes de carbono em 2019 por meio do Cr√©dito de Descarboniza√ß√£o (CBIO), instrumento adotado pelo Renovabio para atingir esta meta. ¬ďEsse √© um exemplo de setores comprometidos com o agro positivo e exemplo para a sociedade em a√ß√Ķes mitigadoras √†s mudan√ßas clim√°ticas. Protagonismo, legalidade e ci√™ncia¬Ē, enfatizou o dirigente.

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina aposta na diversidade do agroneg√≥cio brasileiro, focando em preserva√ß√£o. ¬ďO Brasil sabe produzir e preservar
Estamos diversificando em produtos e aumentando sua produtividade, como gr√£o de bico e gergelim, por exemplo. Trabalhando para √°rea de trigo expressiva e ser autossufieciente¬Ē, disse. Ela destaca que fatores naturais ser√£o diferencial no p√≥s-pandemia, onde haver√° um mundo mais exigente em sanidade e sustentabilidade. ¬ď
O Brasil tem terra, o Brasil tem √°gua, o Brasil tem clima, tecnologia √ļnica feita pela Embrapa para nossa realidade, pela nossa gente. Vamos mostrar o que temos e a que viemos¬Ē.

Investimentos

Como forma de fortalecer a log√≠stica e infraestrutura de escoamento da produ√ß√£o, o ministro da Infraestrutura, Tarc√≠sio Gomes de Freitas, destacou investimentos que prometem melhorar a efetividade de transporte da safra no pa√≠s. Entre eles est√° o investimento em acessos ao Porto de Santos, na casa de R$ 19 bilh√Ķes, para diminuir o tempo de opera√ß√£o e custos, assegurando o investimento do produtor. Aumento da concess√£o de rodovias como a recente pavimenta√ß√£o da BR-163, conclu√≠da este ano, o que j√° significa um grande avan√ßo para os estados do Par√° e de Mato Grosso, e amplia√ß√£o da malha ferrovi√°ria brasileira. H√° investimentos programados na Malha Paulista, Ferrogr√£o, Ferrovia da Integra√ß√£o do Centro-Oeste al√©m de obras, como pontes, que interligam os modais.

No total o governo federal planeja promover 44 leil√Ķes de concess√Ķes na √°rea de transportes no pr√≥ximo ano, com a meta de atrair R$ 101 bilh√Ķes de investimentos em rodovias, ferrovias, aeroportos e portos. ¬ďToda vez que vamos no campo ficamos impressionados com o profissionalismo do nosso agro, que desbravou novas √°reas, buscou pesquisa, investiu em tecnologia e vem superando as dificuldades. √Č necess√°rio prover infraestrutura para garantir qualidade e repercutir no valor do frete¬Ē, disse o ministro.

Fonte: Agrolink

Cotripal Agropecu√°ria Cooperativa
Rua Herrmann Meyer, 237 - Centro
CEP: 98280-000 - Panambi - RS
Fone: (55) 3375 9000